Publicado por: Dream Hunter Z | 11/03/2012

Gentileza, educação & respeito

Olá a todos! 🙂 Como vão?

No post de hoje abordarei esses três assuntos (gentileza, educação e respeito), que, na minha opinião, estão nitidamente ligados.

Gentileza, educação & respeito

Gentileza, educação & respeito – Arte minha.

O que é ser gentil?

Bom, ser gentil é ser educado e respeitoso com as pessoas. Porém, há muitos que são gentis por conveniência, o que não é ser verdadeiramente gentil.

Tenho reparado que, cada vez mais, ser gentil é algo que as pessoas dispensam. Nunca me esqueço certa vez, quando eu estava em Rio Preto, o ônibus estava lotado e, ao ver uma senhora subir, ofereci meu lugar para ela. A senhora me fez um escândalo, me xingou e ficou gritando durante mais da metade do percurso. Ela me acusou de desrespeito, dizendo que estou chamando-a de velha e que eu estava zombando dela… Eu apenas ignorei, mas me chateou muito. Minha intenção não era essa.

Outras pessoas identificam pessoas gentis como trouxas a serem aproveitados, já falei um pouco sobre isso no post “Ser bonzinho…“. Aproximam-se dos gentis, fazem “amizade” com ele, aproveitam o máximo dele, pedindo favores, por exemplo, e pelas costas, dão risada da “tolice” do gentil/bonzinho.

Eu me impressiono com certas atitudes que vejo no dia a dia, inclusive nas redes de relacionamento, como o Facebook.

As piadas e brincadeiras que se postam nos murais, me assustam tanto… Fico triste que o ser humano tenha chegado a esse ponto. Não se respeita mais a vida dos outros, não se tem mais sentimentos sinceros, não se enxerga ou sente mais o próximo. Tudo o que importa é o próprio ego. As desgraças e desastres dos outros é motivo de piada, e não de solidariedade.

O exemplo mais absurdo que vi, nos últimos dias, é uma “brincadeira” que fizeram com a tragédia ocorrida no parque de diversão, Hopi Hari, onde uma menina, a Gabriella Yukari Nichimura, de 14 anos, que veio ao Brasil para conhecer o país que disseram ser maravilhoso, morreu após uma falha no brinquedo La Tour Eiffel. Veja a notícia aqui.

Além da falta de respeito do próprio parque, que sabia do defeito do brinquedo e agiu com total descaso, temos as piadinhas feitas no Facebook, que me deixou realmente indignado. Não há um pingo de respeito por parte dessas pessoas. A imagem-“brincadeira” é essa:

Falta de respeito

Falta de respeito!!!

A frase “FALTA DE RESPEITO!” foi colocada por mim, para evitar que outra pessoa sem respeito copie a imagem desse blog para “brincar” e postar em outros lugares.

Fiquei inconformado com tamanha frieza. Ainda alegam que as pessoas que se sentem indignadas e reclamam desta “brincadeira”, é porque não entenderam o sentido dela… Afirmam que não há relação alguma com o caso da Gabriella, que é só uma referência à sensação causada no brinquedo…

Sinceramente… Para mim, esta explicação não cola! Porque eles fariam essa “referência” justamente após o acontecimento da tragédia?

E mesmo que não houvesse mesmo ligação… Como alguém pode rir e brincar ao ver alguém caindo de uma altura dessas? E, perdendo a VIDA!

Ao meu ver, isso é uma tremenda falta de educação, respeito e noção de solidariedade.

(Aproveitando o post para mandar meus sentimento e pêsames para a família Nichimura…).

Outra coisa que me assusta é a falta de educação das pessoas hoje em dia… A palavra mais rara que escuto nas ruas é “obrigado“! Geralmente, no máximo, falam “Valeu!“. O que não tem o mesmo significado, em absoluto.

Já vi velhinhas sendo “atropeladas” e empurradas por jovens apressados; pessoas tropeçando e caindo, e outros rindo ao invés de ajudar; pessoas que erraram pedindo desculpas, sendo ignoradas; pessoas felicitando, cumprimentando ou parabenizando alguém, e esse alguém deixando no vácuo

Não sei se é só no Brasil, ou o mundo é que está assim… Mas fico desapontado e triste ao ver que tudo está ficando assim. As pessoas agem sem se preocupar com os sentimentos e situações dos outros. Ao ver uma atitude, as pessoas simplesmente julgam o que está acontecendo, sem ao menos tentar entender o porque das coisas. Já decidem que é aquilo o que elas mesmas julgaram, e fica assim. Não há interesse em saber o porque de ter sido daquele jeito…

Pelas palavras da SEICHO-NO-IE, devemos sempre enxergar a Imagem Verdadeira de todas as pessoas e reverenciá-las. Como adepto da filosofia, fico um pouco envergonhado por não conseguir enxergar a Imagem Verdadeira das pessoas que agem de forma tão egoísta e cruel… Prova de que estou vendo somente sua imagem fenomênica, e também de que preciso me aprimorar mais.

Rezo para que as coisas mudem para melhor, que algo aconteça neste mundo que faça abrir os olhos das pessoas.

Bom, por hoje é só!

Ótima semana para vocês!

E nunca se esqueçam! O maior de todos os tesouros são os seus sonhos!

Abraços!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: