Publicado por: Dream Hunter Z | 27/10/2014

Maneiras de enriquecer na vida

Olá a todos! 🙂 Como vão?

O post de hoje começará com uma imagem, que recebi da minha querida Carla Nascimento:

Maneiras de enriquecer na vida

Maneiras de enriquecer na vida

Apesar do tom cômico, eu enxergo algo muito importante implícito nesta imagem. Reparem que, em todos os caminhos, com exceção do último, consegue-se enriquecer, porém, a custo de algo. Geralmente ligado à saúde, vida ou liberdade. Ou seja, pelo senso comum da nossa sociedade, nos sacrificamos para enriquecer. Então eu questiono: Isso é felicidade?

Acredito que todos nascemos para sermos felizes. E cada um deve enxergar onde está a sua própria felicidade. Contudo, por alguma razão, “padronizou-se” que para ser feliz é preciso ser rico. Dinheiro, por si só, trás felicidade? Acredito que depende muito do que é a felicidade. E o seu conceito varia de pessoa para pessoa, já que esta é única de cada pessoa. Uma flor que uma moça recebeu do amado é uma felicidade para ela, porém, essa mesma flor não significa nada para a amiga do irmão do cunhado da tia dela.

No entanto, é inegável que precisamos do dinheiro para viver. Pagar as contas, comprar alimentos, ter entretenimento, etc. Mas será que está certo dedicar tanto a vida só por ele? Isso o fará feliz?

O que quero discorrer é sobre o trabalho forçado, estressado e irritado que muitos fazem contra a vontade, durante grande parte da vida, exclusivamente  para juntar uma grande quantia de dinheiro. (Na imagem acima, seria o primeiro caminho).

Trabalhar é maravilhoso, desde que se faça algo que lhe dê prazer. Gostar do que faz é essencial. Não precisa ser a coisa que você mais ama fazer, mas deve se sentir bem com o que faz, mesmo que não ganhe tanto dinheiro.

Atualmente, temos muitas pessoas se formando em cursos de ofícios que costumam dar bastante dinheiro como: médicos, advogados, dentistas, engenheiros, etc. Mas não por amar esta profissão, e sim visando o dinheiro fácil. Mas, será que existe dinheiro fácil dessa maneira?

A medicina, por exemplo, é uma área que eu admiro muito, pois tem como objetivo salvar vidas. No entanto, nas notícias encontramos tantos médicos “formados” charlatões, que enganam seus pacientes só pelo dinheiro. Ou que cometem erros absurdos como operar a perna errada. (Claro, médico erra, mas acho que verificar o que se vai operar no paciente é uma medida obrigatória!). Pergunto-me se eles estão cientes de que o paciente é uma pessoa, viva! Tem sentimentos, tem história, tem sonhos, tem pessoas importantes, e é importante para outras pessoas! Será que todos os que se formam nessa profissão, o fizeram por amor à humanidade? Por querer salvar o maior número possível de vidas?

Meu tataravô foi um médico muito conhecido em sua época. Ele cobrava a quantia correta de quem podia, porém, de quem não tinha condições, ele tratava gratuitamente. Ele tinha a vontade de ajudar quem precisava. No entanto, essas pessoas retribuíam com gratidão, o que podiam dar, seja algo que plantavam, ou algum produto que produziam. Por conta disso, ele era querido e conhecido na região (não me lembro em que cidade era). E é lembrado até hoje. Prova disso foi quando seu neto, meu tio-avô (que Deus o tenha), foi ao Japão, e foi bem recebido, saindo até no jornal da cidade.

O mesmo vale para as demais profissões. Os advogados deveriam ser os guardiões da justiça, defendendo causas de inocentes que são acusados, porém, não é bem assim que acontece. Acredito que todos deveriam ser como Abraham Lincoln. Ele, como advogado, recusava-se a defender culpados, pois dizia que se o fizesse, distorcendo os fatos, sua própria consciência o acusaria de mentiroso.

Trabalhar com o único e exclusivo propósito de enriquecer, é o mesmo que vender seu próprio corpo. As pessoas costumam criticar as chamadas mulheres da vida, mas não é nada diferente de quem trabalha apenas pelo dinheiro. Acredito que o trabalho deve ser feito por amor ao próximo. Toda profissão visa um bem a alguém, sendo assim, beneficiando o próximo, podemos sentir satisfação no que fazemos. Assim, o dinheiro que recebemos é apenas consequência disso.

Quero abrir um parênteses aqui, e deixar claro que não estou criticando a prostituição em si. Não sou a favor dela, mas acredito que cada um sabe o caminho que escolhe, afinal, temos o livre arbítrio. (Claro, há aquelas pessoas que entraram nessa vida sem ter essa opção, porém, estaremos entrando em outros assuntos que não condizem com este post.). Mas, da mesma forma que nas demais profissões, deve ser feito por amor ao próximo, não por dinheiro unicamente.

Assim, juntar dinheiro deixa de ser um sacrifício, tornando-se uma alegria, pois trazer sorrisos para o próximo causa uma satisfação indescritível. E, sendo assim, acredito que podemos enriquecer mais rápido, pois, tudo o que é feito com gosto, faz o tempo voar. Quem nunca reparou que uma hora num parque de diversões passa muito mais rápido do que uma hora esperando numa fila quilométrica?

Outra consequência positiva disso é que nos desgastamos menos, pois ao sentir-se bem com o trabalho, o estresse e a irritação são reduzidos ou eliminados. Assim, nosso ânimo melhora, nossa aura melhora, e nossa aparência melhora também.

Acredito que esta é a melhor maneira de enriquecer. É honesto e não acaba conosco.

Falei da primeira opção dada na imagem, vou comentar rapidamente o que penso das demais maneiras de enriquecer…

A segunda, acredito que os artistas e adeptos de arte devem torcer um pouco o nariz. Embora eu entenda que se trata de uma piada. É o mesmo que dizer que quem faz arte é louco, o que sabemos que não é verdade!

A terceira, também tira boas risadas. Mas nem todo músico de de sucesso é drogado. Embora não seja um meio fácil de ascender, pode-se conseguir de forma saudável!

A quarta, nem sei o que comentar… Ganhar dinheiro dessa forma, embora funcione e seja fácil, não leva a lugar algum, né? Embora, do jeito que as coisas estão ultimamente, o indivíduo não investirá 500 milhões em uma prisão, já que quase não se prende bandidos nesse país. Todavia, é um meio que deixará a consciência pesada para o resto da vida…

A última é, de longe, o mais fácil meio! Só é preciso saber manter a riqueza, o que pode não ser tão simples assim.

Antes de encerrar, quero falar sobre “O Segredo“, de Rhonda Byrne. Este livro fala sobre a Lei da Atração (Lei Mental, para a SEICHO-NO-IE), no qual atraímos tudo o que pensamos e sentimos. E isso vale para a riqueza material também. No entanto, muitos questionam dizendo mentalizar o dinheiro sempre, mas ele nunca vem…

O que Rhonda diz é que a grande maioria das pessoas, apesar de desejarem o dinheiro, sentem-se mal em relação a ele, devido a sua falta. Concentram suas mentes, no dia a dia, na sua falta, dizendo e reclamando em como as coisas são caras, nas contas que não param de vir, na carência de coisas, etc. Mantendo isso na maior parte dos dias, a Lei da Atração vai atrair mais motivos para se sentirem dessa maneira.

O segredo é sentir-se bem em relação ao dinheiro. Acreditar que o dinheiro já é abundante na vida. Se fizer isso, não há porque achar as coisas caras, pois já tem dinheiro em abundância! As contas são baratinhas, em comparado com a abundância de dinheiro que estás atraindo, então, não precisa sentir-se mal, pelo contrário, agradeça! (As contas são quantias cobradas por algum serviço, seja água, luz, internet… Agradeça pelo serviço prestado!). Pensar e sentir abundância! Só assim para o Segredo funcionar. É uma Verdade fácil de ser compreendida, mas nem tanto de ser assimilada e praticada. Ler o livro ajuda muito, pois tem exemplos e maneiras para facilitar essa assimilação.

Bom, já escrevi bastante! Por hoje é só!

E nunca se esqueçam! O maior de todos os tesouros são os seus sonhos!

Abraços

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: